Terceiro dia do CELEBRAR é marcado por momentos de adoração e comunhão em família

Enquanto muitos são atraídos para as festas de carnaval, a Assembleia de Deus em Sobradinho vem cumprindo com sua missão, na qual uma das bases mais fortes é a família.

O terceiro dia do CELEBRAR começou logo pela manhã, no Ginásio de Esportes de Sobradinho, onde dois convidados ministraram diretamente para a família, que por sua vez, tem um valor imenso para a comunidade cristã.

Num primeiro momento o Reverendo Junio Cézar falou sobre o tema “Famílias que vivem pela palavra de Deus”, e logo em seguida o Pastor Paulo Júnior ministrou sobre “A batalha pela mente”.

Tais temas chamaram a atenção da família para comunhão, tanto dentro de casa, como na igreja. Lucas Micas, jovem de uma das congregações, diz que gostou muito, porque a família é algo importante tanto para a igreja, quanto para a comunidade.

“A família é a primeira estrutura com a qual um ser humano se envolve. Para o amadurecimento do ser humano, de uma sociedade, é necessário ter uma família saudável. Então é muito importante para a igreja cuidar da família, ver o crescimento, não só do indivíduo, mas de um todo”, afirmou Lucas.

O Pastor Lourival Dias Neto, pastor presidente da Assembleia de Deus em Sobradinho, enfatiza que é preciso a família estar preparada: “A intenção da ADS com relação à esse tema, foi exatamente trabalhar os desafios que a família tem na atualidade, quanto a sua unidade, quanto a sua originalidade e quanto ao seu propósito”.

O pastor finalizou falando sobre a desvalorização da família: “A família sofre com o processo de desconstrução, de ataque, a mídia, a cultura, o secularismo, tudo ataca a família e se a gente não tomar cuidado, acaba entrando também nessa mentalidade”.

Tendo continuidade à noite, o Celebrar recebeu Gabriel Guedes, jovem músico gospel, que ministrou através do louvor levando todos à adoração.

Como ministro da palavra, o Pastor Filipe Cechinel falou sobre o diálogo de Jesus com a mulher samaritana. Ele ressaltou a importância de eventos como o celebrar: “É formidável a iniciativa da igreja! Enquanto o ‘mundão’ está celebrando a festa da carne, a gente, que é servo de Deus, está aqui celebrando uma festa espiritual. Aqui não tem briga, não tem tiroteio, não tem facada e nem bebida, aqui tem glória, alegria, salvação e renovo. A festa deles termina em cinzas, a nossa termina em vitória”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.