SIM SIM, NÃO NÃO

“Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.” – 2 Coríntios 10: 5 –

            A Palavra de Deus é muito clara sobre o nosso proceder aqui na Terra, e apesar de termos o mau hábito de relativizar o pecado a todo instante, a Bíblia não abre espaço para exceções.

            É importante sabermos que nós quem temos que passar pelo crivo da palavra, e não o contrário. Temos a mania ruim de tentar encontrar brechas na palavra de Deus para satisfazer e legitimar as nossas ambições, sejam elas para cometer pecados ou porque acreditamos que determinada ação é a correta a se tomar. Mas, no fim, não são as nossas vontades e desejos que contam, sendo eles certos ou errados, mas as vontades do Senhor.

            Do capítulo 5 a 7 de Mateus, Jesus prega o sermão do Monte dando várias dicas sobre conduta e coração humano, trazendo temas como o ódio, a Lei, a verdadeira felicidade, amor aos inimigos, adultério, divórcio e por aí vai. No capítulo 5 versículo 37 diz: “Que o “sim” de vocês seja sim, e o “não”, não, pois qualquer coisa a mais que disserem vem do Maligno.”

            A nossa palavra tem que ser “sim sim e não não” o tempo inteiro. Sem brechas. Essa posição destrói qualquer pensamento enganoso que nossos corações possam criar, nos permitindo dominar nossa mente e torná-la submissa a Cristo.

            E, por mais que pensemos que essa atitude seja um pouco “radical”, ela não o é.  Dizem que a vida não é sempre “preto no branco”, mas ela é sim! O errado não deixa de ser errado só porque todo mundo faz. Se você pega algo que não é seu, é roubo. Se você deseja alguém que não tem compromisso com você, é lascívia e adultério. Se você cola na prova ou passa em um curso sem ter mérito nisso, é fraude.            

O mundo em que vivemos hoje pede e necessita que sejamos radicais e inflexíveis para não vivermos afogados em pecados mascarados. A porta é estreita e estreito é o caminho em que devemos andar, portanto, devemos ser sagazes, para não permitir a ação do maligno nas nossas vidas, e obedientes de corpo, mente e espírito a Jesus Cristo, nosso Senhor.

Por Stefany Ellen

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.